Portal do Governo Brasileiro

Brasília, 25/4/2012 — O programa Mulheres Mil do Ministério da Educação vai chegar a mais 101 unidades de institutos federais de educação, ciência e tecnologia e contemplar 24 unidades da Federação. Os institutos foram convocados por chamada pública a apresentar propostas de adesão ao programa.

A Chamada Pública nº 1/2012, da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do MEC, é a segunda referente ao programa Mulheres Mil, que atende a mais de 10 mil brasileiras em situação de vulnerabilidade social em 112 unidades de institutos federais de todo o país. Cerca de 20 mil vagas devem ser abertas este ano.

Cada núcleo do programa receberá R$ 100 mil para iniciar as atividades de atendimento. O valor será aplicado no auxílio financeiro às pessoas atendidas (R$ 70 mil); compra de uniformes (R$ 8 mil) e de material para realização do curso (R$ 10 mil); aquisição de equipamentos, estruturação do acolhimento às beneficiárias e coordenação das atividades (R$ 12 mil).

Na escolha dos novos núcleos foram considerados critérios como distribuição regional das unidades de ensino, localização em município integrante dos Territórios da Cidadania (formados por regiões de baixo índice de desenvolvimento humano [IDH], com semelhantes características econômicas e culturais) e concentração de pessoas em situação de extrema pobreza. Os novos gestores do programa, dois por campus, passarão por curso de capacitação no final de maio e início de junho.

Integrante do plano Brasil sem Miséria do governo federal, o Mulheres Mil foi implantado como projeto-piloto, em 2007, em 13 estados do Norte e do Nordeste. O programa prevê a elevação de escolaridade, associada à formação profissional de brasileiras de baixa renda. Em cada localidade, são atendidas as carências das comunidades. A oferta de cursos está alinhada à vocação econômica regional.

As instituições que não foram contempladas na seleção têm até sexta-feira, 27, para pedir a revisão dos projetos. O resultado da chamada pública está na página do Ministério da Educação na internet.

Danilo Almeida

Acesse o resultado da chamada pública.

Palavras-chave: educação profissional, Mulheres Mil

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal