Portal do Governo Brasileiro
Público elogia produção das alunas (Divulgação IFPI)
Durante o I Encontro Estadual do Proeja (Programa de Educação de Jovens e Adutos), as alunas do Vestindo a Cidadania fizeram exposição das primeiras peças de vestuário produzidas pelo grupo. O público pode conferir desde peças mais simples até vestido de noiva, produzido com retalhos tecidos, técnica aprendida na oficina de patchwork.

“É gratificante ver o nosso trabalho sendo aprovado e valorizado pelas pessoas. Esse é um sonho que o MEC, o Instituto Federal do Piauí, em parceria com outras instituições, estão realizando na minha vida”, afirma Ivonete Maciel de Melo, aluna do projeto.

Segundo o coordenador do projeto no Estado, Milton Filho, a participação no evento despertou a vontade de intensificar os estudos e o espírito empreendedor nas alunas. “A exposição causou um estímulo tão forte que elas solicitaram, à organização do projeto, aulas durante todos os dias da semana ao invés de apenas três encontros semanais” afirma Milton Filho.

Apesar do projeto Mulheres Mil não fazer parte do Proeja, o convite, por parte da organização do evento, foi em função da semelhança dos objetivos dos projetos, uma vez que ambos têm como foco a profissionalização de adultos. Durante o encontro, foi discutido os desafios da formação continuada de docentes do Proeja, no Piauí.

Elisabete Sales – Assessoria de imprensa do IFPI
© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal