Portal do Governo Brasileiro

Com diploma na mão, alunas pretendem ingressar no mercado

A cerimônia de formatura aconteceu na última quinta-feira(14/01), 25 mulheres receberam o certificado de conclusão do curso de Cuidador Domiciliar. A capacitação é ofertada pelo Instituto Federal da Bahia (IFBA) e está beneficiando moradoras da Vila Dois de Julho.

Acompanhadas dos familiares, as alunas assistiram à apresentação do poema do idoso, que relacionou as dificuldades e carências de uma pessoa com mais idade com a respectiva característica que um cuidador precisa ter para ser um bom profissional: paciência, instinto de solidariedade e respeito.

O reitor em exercício, Albertino Nascimento, agradeceu às mulheres por comporem a comunidade do IFBA e ressaltou que o instituto defende uma escola que dialogue com a sociedade. “Soube que algumas formandas não vieram porque estavam prestes a assinar seus contratos, estamos orgulhosos de proporcionar empregabilidade”, afirma Albertino.

Regina Lovatti, coordenadora do projeto no Estado, pontua as transformações que a capacitação proporciona na vida das mulheres.  “Algumas mudaram o comportamento em casa, no trabalho e na sua visão de vida. Acho importante vocês terem trazido a família para esse momento importante, pois é uma nova profissão que vocês estão abraçando”, ressaltou Lovatti.

Mulheres Mil em música

O professor do IFBA, José Luiz, fechou o evento tocando uma música feita para o projeto, chamada “Mulheres Mil está fazendo a cabeça do meu Brasil”, que já tinha sido apresentada na aula de encerramento e estava na ponta da língua das formandas.

Também foi exibido vídeo com uma homenagem aos cuidadores, demonstrando a importância da profissão. As alunas ainda puderem assistir a uma apresentação de slides com fotos das aulas do curso.

O próximo curso será  para recepcionista e telefonista, terá 40 vagas e a exigência será o 2º grau completo. Mesmo depois da formação as profissionais, as alunas são acompanhadas para que o projeto tenha o retorno da atuação delas no mercado. No observatório do Mulheres Mil é feita uma busca por vagas e de acordo com o perfil são encaminhados os currículos.

Leia mais

Capacitações garantem empregabilidade

Dayanne Pereira – Assessoria de imprensa do IFBA

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal