Portal do Governo Brasileiro

Quarenta novas reeducandas da cadeia pública Feminina de Boa Vista participarão da segunda turma do curso profissionalizante de culinária regional, ofertado pelo Inclusão com Educação, Mulheres Mil de Roraima. Previsto para começar na segunda quinzena de março, a ação é implementada pelo Instituto Federal de Roraima (IFRR) e conta com a parceria da Secretaria Estadual de Cultura e Desportos (SECD).  

Segundo a coordenadora do projeto no Estado, Crisonéia Brito, o curso tem por objetivo proporcionar ferramentas que irão assegurar a autosustentabilidade das alunas após o término da pena.

Com duração de quatro meses, as aulas serão ministradas na cadeia pública pelos professores do IFRR e do SENAC.

Assessoria de imprensa do IFRR

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal