Portal do Governo Brasileiro

Alongamento e caminhada são temas de aulas teóricas e práticas.

Se depender do professor de Educação Física do Instituto Federal de Sergipe (IFS), Marcos França, as 45 alunas do Pescando Cidadania e Arte não vão ficar mais paradas. Desde setembro, elas vêm participando de aulas voltadas para valorização da cultura corporal de movimento.

Pescadoras do povoado Taiçoca de Fora, em Nossa Senhora do Socorro, Grande Aracaju, na primeira atividade, as alunas riam com as próprias limitações por conta do sedentarismo. Hoje, depois de três aulas, elas estão seguras e se conscientizando da importância de mudar pequenos hábitos para ter uma melhor qualidade de vida.

As aulas acontecem no ginásio de esportes do campus Aracaju. O primeiro tema abordado com as mulheres foi a importância da caminhada como ferramenta de controle das doenças crônicas não transmissíveis, a exemplo da hipertensão e diabetes. “É necessário promover a saúde por meio de atividade física regular”, defende o Marcos França, que é chefe do Departamento de Programa e Projeto da Pró-Reitoria de Extensão, “Nossa ação é voltada para a formação de um indivíduo saudável”, acrescenta.

A cada encontro as alunas participaram de uma atividade diferente, a exemplo da sessão de alongamento e jogos esportivos. Aos poucos, as mulheres vão entendendo que atividade física regular pode melhorar a saúde e reduzir os riscos de desenvolver doença cardíaca coronária, infarto, pressão alta e os sentimentos de depressão, ansiedade e estresse.

Prevenção de doenças sexuais

Na disciplina Saúde e Cultura Corporal, as mulheres também recebem informações sobre doenças sexualmente transmissíveis - DST/Aids- e prevenção de câncer do colo do útero. Essa ação é desenvolvida pela docente Lindamar Oliveira, que coordena um grupo de trabalho de prevenção no Campus São Cristóvão. As alunas ainda participarão de palestras ministradas por médicos e servidores do IFS.

Assessoria de imprensa do IFS

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal