Portal do Governo Brasileiro

As alunas do Cidadania pela Arte, em Tocantins, participaram de uma Roda de Prosa com os estudantes do curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins (UFT). O encontro teve o objetivo de trocar experiências e refletir as práticas de Educação de Jovens e Adultos (EJA).  

Para a coordenadora do curso de Pedagogia da UFT, professora Dilsilene Santana, o intercâmbio proporcionou um encontro da prática com a teoria. “Nossos alunos, ao interagirem com as alunas do Mulheres Mil, se encontraram com os sujeitos das diversas pesquisas que compartilhamos durante o semestre de curso. Eles não conheciam o projeto, e a reação em relação aos relatos das alunas parece-me ter sido de muita satisfação”, afirmou Dilsilene.

Outro fator que chamou atenção dos estudantes da UFT foi a motivação das mulheres. “O que mais emocionou foi a garra das mulheres que, enquanto sujeitos de uma história cotidiana de muitas dificuldades, têm uma disposição muito grande para retomar os estudos”, destacou a professora.

Segundo o coordenador pedagógico do Mulheres Mil, Márcio Frota, atividades como esta enriquecem o cotidiano das mulheres e fomentam o debate sobre a importância de ações afirmativas no que diz respeito à EJA. “A Roda de Prosa teve como finalidade contribuir com a formação dos futuros professores por meio de uma aproximação destes com as experiências de EJA, a partir do Mulheres Mil”, ressaltou Frota.

Maiara Sobral – Assessoria de imprensa do IFTO

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal